xaas

XaaS: como readequar sua empresa ao modelo Everything as a Service

Um grande número de serviços, produtos e ferramentas digitais modernos são encomendados pela Internet e entregues aos usuários sob demanda, em vez de serem fornecidos por canais locais dentro de empresas ou organizações especializadas. Para descrever esse fenômeno moderno, um termo especial foi inventado: tudo como serviço — ou XaaS, do inglês Everything as a Service.

Muitas organizações estão reorientando seus recursos de negócios e abordando produtos, ofertas e processos como uma coleção de serviços que podem ser usados dentro e fora dos limites organizacionais.

Mas como readequar sua empresa a esse modelo, e quais benefícios você pode obter a partir disso? Confira neste artigo!

O que é o modelo XaaS?

XaaS é um termo da computação em nuvem para uma variedade de serviços e aplicativos acessados sob demanda pela Internet, em vez de serem acessados no local.

No passado, a digitalização normalmente significava investir uma parte do seu dinheiro em programas de computador e hardware. Isso ocupa espaço nas instalações e deve ser feito backup, manutenção e atualização regular, resultando em ineficiência.

Desde o início da revolução dos serviços, no entanto, tudo isso mudou. Agora, empresas de todos os tamanhos podem usar a infraestrutura baseada em nuvem para praticamente todos os seus requisitos de tecnologia. Isso está mudando a maneira como os negócios são conduzidos, e é particularmente eficaz para ajudar os negócios a crescer e escalar.

O que o XaaS inclui

Está tudo bem em dizer que o XaaS incorpora “tudo”, mas o que exatamente tudo significa? Primeiro, não se limita à tecnologia, e o que começou como uma revisão de sistemas legados aumentou para oferecer melhores eficiências de negócios, envolvimento do cliente e supervisão de funcionários usando métodos novos e atualizados.

O XaaS também está redefinindo muitos dos objetivos básicos da modernização porque, em vez de ter as várias funções operando em silos, as empresas agora podem configurá-las como uma coleção de serviços horizontais que estão disponíveis por meio dos limites organizacionais. Isso significa que interfaces de programação de aplicativos (APIs) adequadas podem ser usadas por vários departamentos de uma empresa, entre outras coisas.

Por exemplo, as empresas podem utilizar um módulo de atendimento ao cliente que permite à equipe de vendas rastrear as interações anteriores de um cliente com a empresa. Esse mesmo módulo também pode ser usado pelo departamento de TI para gerenciar chamadas de serviço, e pelo departamento de compras para gerenciar fornecedores preferenciais.

Quais são os benefícios para as empresas?

A matemática aqui é simples. Qualquer empresa que ofereça um produto ou serviço B2B e continue a prender clientes em contratos estendidos, em algum momento, perderá para um concorrente mais ágil.

Assim como os clientes, os tomadores de decisão de negócios esperam cada vez mais os serviços de pagamento conforme o uso: eles desejam acesso fácil e sem atritos ao software e hardware, sem precisar suportá-lo e mantê-lo, além de contratos de tamanho único que reflitam essa demanda.

A adoção dessa abordagem, seja por meio de seus próprios serviços ou incorporando serviços externos para melhorar os processos internos, permite que as organizações reduzam suas despesas operacionais, trabalhem com custos mais previsíveis e minimizem o esforço necessário.

As empresas já estão descobrindo os benefícios do modelo XaaS. A estratégia oferece uma ampla gama de benefícios, incluindo os que citamos a seguir.

Introdução de novas soluções mais rapidamente

Uma pesquisa feita pela Deloitte descobriu que 75% das empresas acreditam que o XaaS ajuda a introduzir novas soluções com mais rapidez e facilidade, e 70% dizem que ele ajuda a usar ferramentas que teriam sido muito caras no passado. Isso é crucial para pequenas empresas com ambições de crescer e prosperar.

Melhor interpretação dos dados

O antigo método de tomar decisões com base na intuição não se destaca no mundo do XaaS. As empresas agora têm acesso a ferramentas de big data que lhes permitem analisar e interpretar mais dados a um custo muito menor e tomar decisões melhores e mais informadas.

Ferramentas SaaS, por exemplo, permitem análises orientadas a eventos, possibilitando que as empresas rastreiem e prevejam de forma inteligente o comportamento do produto e do usuário.

Finanças simplificadas

As empresas que adotaram uma proporção maior de modelos XaaS têm maior probabilidade de obter grandes reduções de custo. Por não ter que se interessar pelas compras de software, espaço de escritório e hardware caro, elas têm a chance de economizar em custos pagando apenas pelos recursos e ferramentas que planejam usar.

E como as opções regulares de substituição de hardware significam menos depreciação em ativos tangíveis, o XaaS também permite que as empresas reduzam consideravelmente suas despesas gerais.

Aumento da competitividade

O XaaS agora é considerado inegociável: as empresas que não o incorporam podem correr o risco de ficar atrás da concorrência. Conforme indicado pela Deloitte no mesmo estudo já citado, 39% das empresas relataram que o aumento da adoção de XaaS as ajuda a acompanhar os concorrentes, enquanto 28% acreditam que o uso de modelos de consumo flexíveis está dando a elas uma vantagem considerável.

Como sua empresa pode ser adaptar?

A transformação para readequar sua empresa ao modelo XaaS deve ser uma jornada iterativa e dinâmica. A seguir, nós apresentamos algumas fases que podem ajudá-lo a criar e manter os recursos necessários.

Avaliando as lacunas operacionais

Quando a jornada de transformação de uma empresa está na fase de rastreamento, os líderes se concentram em provar o ROI e a adoção do mercado das novas ofertas de XaaS, de modo que as conversas sobre financiamento e orçamento são frequentes. Para empresas que estão nessa, as prioridades de transformação tendem a se concentrar em:

  • estratégia de transformação: nessa fase, é importante alinhar a equipe executiva aos objetivos estratégicos da transformação XaaS — por exemplo, aspirações de receita e lucro e ativação do modelo de negócios;
  • análise de lacuna de capacidade: muitas empresas precisarão modificar sua capacidade de faturamento para acomodar, por exemplo, faturas XaaS baseadas no uso. Isso normalmente requer novas ferramentas e processos automatizados, além de treinamento de talentos;
  • roteiro de execução: uma boa prática é se concentrar nos recursos de entrada no mercado, como preços, marketing e vendas, nos primeiros trimestres, para estabelecer uma marca XaaS;
  • financiamento: desenvolva um caso de investimento para o custo total de toda a transformação, considerando os custos de mão de obra e de licenciamento para quaisquer novas ferramentas e, em seguida, aproveite esse caso para garantir o financiamento da transformação da liderança.

Construindo uma base forte

Nesta fase, as empresas já iniciaram sua jornada de transformação e estão começando a fazer investimentos na melhoria de processos. As prioridades de transformação geralmente incluem:

  • desenvolvimento de processos fundamentais: documente novos processos simplificados e padronizados em toda a organização para permitir transações XaaS;
  • tomada de decisões de automação: decida o que será automatizado nesta fase; projete fluxos de processo padronizados e simplificados para refletir recursos seletivamente automatizados;
  • procedimentos de documentação: aproveite os processos recém-definidos para documentar procedimentos operacionais padrão para estabelecer transferências entre funções e fases do processo;
  • políticas de negócios: tome decisões políticas claras sobre como fazer negócios com o XaaS em áreas como cobrança e vendas.

Investindo em automação

As empresas na fase de execução de sua jornada estão operando como organizações digitais maduras, com recursos avançados e automatizados para a transação de XaaS. Quando as organizações estão nesta fase de execução, suas prioridades geralmente incluem:

  • processos de refino: atualize os processos para adicionar os recursos avançados necessários para ativar ofertas complexas de XaaS e refletir a nova automação para transações de XaaS.
  • implementando uma arquitetura de sistemas: adote uma arquitetura comercial digital por meio da automação de sistemas de ponta a ponta.
  • teste e iteração: continue testando e refinando novos recursos com base no feedback de clientes e funcionários.

Refinando continuamente

Finalmente, as empresas que operam nesta fase estão fazendo investimentos ousados ​​para gerar interrupções. Nesse estágio maduro, as prioridades de transformação podem incluir:

  • abordando complexidades de escala: enfrente os desafios que acompanham o dimensionamento e o amadurecimento de um negócio XaaS, como aumentar a consistência entre os recursos;
  • adotando recursos de próxima geração: otimize facilitadores como IA e aprendizado de máquina para inserir análises em ofertas e operações de ponta a ponta. Aproveite o blockchain para impulsionar a integridade transacional.

Em conclusão, da mesma forma que as pessoas agora obtêm suas músicas, roupas e até carros pagando pelo que usar, as empresas também esperam pagar apenas pelos produtos e serviços de computação que usam. O XaaS está mudando o mundo dos negócios como o conhecemos. Para pequenas e médias empresas, apresenta uma oportunidade de permanecer competitivo e atrair novos clientes por meio de ofertas simplificadas e convenientes.

Quer ficar por dentro de outros assuntos ligados a tecnologia e negócios? Assine nossa newsletter e receba outros artigos como este diretamente no seu e-mail!

 

Share This
×