Gestão de serviços em TI: como ter um bom retorno de investimento?

Realizar investimentos na gestão de TI é parte essencial para desenvolver estratégias em negócios que buscam o crescimento.

É por meio do uso de tecnologia relacionada a essa área que é possível ganhar mais escalabilidade e suas operações, se destacar por meio de diferenciais competitivos diante da concorrência e melhorar a performance operacional dos colaboradores.

Entretanto, diante do medo de realizar investimentos na gestão de TI e não obter retorno, muitos empresários e empreendedores acabam limitando seu potencial por não adotar ferramentas e estratégias para melhorar a gestão de seus serviços de tecnologia de informação.

Confira abaixo como é calculado o retorno sobre investimentos nessa área e pontos que te ajudarão a garantir o sucesso ao investir em sua gestão de TI!

O ROI na gestão de TI

O retorno sobre investimentos, também chamado de ROI (Return Over Investment) é uma métrica utilizada para analisar como um investimento realizado na empresa está impactando em seus resultados.

Quando falamos de ROI na gestão de TI, esse indicador está relacionado à aquisição de ferramenta e softwares que possibilitam gerar mais lucratividade e eficiência na operação. Para realizar o cálculo do retorno sobre o valor investido nesse segmento, são levados em conta vários fatores.

Alguns desses fatores são: ganho da produtividade, os objetivos relacionados ao investimento e as possíveis novas receitas provindas das mudanças executadas nos processos. Por meio dessas análises é possível ter uma visão abrangente do que envolve os investimentos.

Se formos considerar o cálculo do ROI em TI levando em conta somente os termos financeiros, a fórmula é bem simples. Confira abaixo.

ROI = ganho obtido – investimento inicial / investimento inicial

Para entender como usar a fórmula, considere uma empresa que investiu R$ 3.000 em um sistema de gestão de TI, obtendo um retorno de R$ 6.000 em seu faturamento. Assim, o ROI obtido foi de 100%, já que o resultado superou o investimento.

Como falamos, a área de TI é complexa e fazer um cálculo simples pode não mostrar o real impacto positivo que o uso dessas ferramentas trarão para uma melhor gestão de seus processos internos, redução de erros, automatização de processos e de desempenho da operação.

Dicas para melhorar o ROI na gestão de TI

Existem alguns critérios importantes a considerar quando resolver realizar investimentos na área de gestão de TI, que te ajudarão a garantir que as soluções usadas irão desempenhar um papel positivo no aprimoramento dos processos e no aumento da receita. Confira abaixo um breve resumo.

O primeiro ponto para garantir um ROI positivo na gestão de TI é investir em ferramentas que realmente auxiliem nos processos, permitindo que haja uma administração funcional e a elaboração de planos estratégicos.

Isso engloba áreas como o help desk, que possui papel importante para gerenciar as reclamações de clientes e organizar as demandas conforme os setores do negócio, emitir relatórios de desempenho e levantar dados de forma integrada entre departamentos.

Também é importante acompanhar de perto o nível de satisfação dos usuários com a solução aplicada, já que isso pode oferecer insights de melhorias nos processos e no uso de ferramentas.

Acompanhar isso é essencial para garantir o melhor atendimento possível ao cliente final e garantir uma real otimização na gestão de TI. Se os colaboradores estiverem com dificuldades, não entregarão a melhor performance.

Para implantar ferramentas que te ajudarão a desenvolver sua gestão de TI, além de entender como realizar uma análise do retorno sobre investimento nessa área, conheça a Qualitor.

A Qualitor é uma empresa que oferece produtos completos nas áreas de Help Desk, Service Desk, SAC, Ouvidoria e CSC (Central de Serviços Compartilhados). Converse com um consultor para encontrar a solução personalizada ideal para seu negócio!

Share This
×