ensino experimental

O uso do ensino experimental como ferramenta de treinamento

No mundo de hoje, o ensino experimental fornece uma oportunidade valiosa para os funcionários aprenderem com a experiência. Por meio de processos e técnicas de desenvolvimento de habilidades, é possível aprender a interagir com clientes e colegas de trabalho, e também sobre gerenciamento, com exemplos do mundo real.

O aprendizado experimental oferece uma variedade de oportunidades de descoberta. Ao tornar o processo divertido e compreensível, seus funcionários podem adquirir habilidades valiosas que os beneficiam em suas vidas profissional e pessoal.

Se é a primeira vez que se depara com esse termo, está com sorte! Abaixo, encontrará não apenas tudo o que precisa saber sobre essa crescente metodologia, mas também aprenderá mais sobre as estratégias e técnicas que pode usar para incluir atividades de aprendizado experimental em seus treinamentos.

O conceito de ensino experimental

Originalmente proposto pelo psicólogo David Kolb, o ensino experimental — ou aprendizado experimental — é o processo pelo qual o conhecimento é criado por meio da transformação da experiência. Ele incentiva os alunos a colocarem suas habilidades à prova e envolve experiências práticas, que aprimoram as formas tradicionais de aprendizado.

Esse tipo de aprendizado, por sua vez, é baseado na ideia de que as pessoas tendem a absorver informações com mais eficiência quando participam ativamente de conceitos e se baseiam nessas interações com reflexões e discussões animadas.

Embora o ensino experimental envolva aprender fazendo, ele é mais profundo do que simplesmente praticar uma habilidade. O objetivo da metodologia consiste em:

  • pensar criticamente sobre o conceito ou habilidade;
  • refletir sobre a experiência;
  • determinar maneiras de melhorar o desempenho;
  • e, finalmente, concluir ações futuras com referência às experiências originais de aprendizado.

Os benefícios para as empresas

O ambiente de negócios atual é altamente competitivo, caracterizado por ciclos de vida mais curtos de produtos e serviços e tempos de entrega mais rápidos. Nesse ambiente, as abordagens de treinamento tradicionais não respondem mais às necessidades dos negócios. É nesse contexto que os benefícios trazidos pelo ensino experimental podem ser valiosos.

Saiba quais são eles a seguir!

Conecta conceitos ao local de trabalho

Muitos formatos de treinamento ensinam efetivamente novos conceitos, mas não fornecem um ambiente seguro para praticar a aplicação deles. Por exemplo, uma palestra em sala de aula sobre habilidades de liderança pode aprimorar o conhecimento dos participantes, mas isso não significa que eles saberão aplicar novas habilidades no mundo real.

O aprendizado experimental é diferente porque os participantes não apenas aprendem novos conceitos e habilidades, mas também têm a oportunidade de experimentá-los em um cenário que imita indiretamente sua realidade.

Como os cenários são metáforas, muitas pessoas não percebem que estão aprendendo novas habilidades de trabalho até a discussão no final do treinamento. Nesse ponto, um facilitador orienta uma discussão que solicita aos grupos que façam fortes conexões entre as lições que aprenderam na atividade e cenários semelhantes no trabalho.

Fornece resultados mensuráveis

O ROI do treinamento é uma alta prioridade para quem trabalha com um orçamento de desenvolvimento para funcionários. A coleta de pesquisas de feedback (ou o teste dos participantes após um seminário) é uma maneira de avaliar os resultados do treinamento — mas esses métodos não garantem uma mudança de comportamento ao longo prazo.

O ensino experimental fornece alguns dos melhores resultados de qualquer tipo de programa de treinamento, afinal, os participantes retêm mais informações quando aprendem fazendo.

O aprendizado experimental, especialmente quando combinado com uma estratégia de retenção, ajuda a superar a decadência do aprendizado, incutindo convicção, conectando os conceitos de treinamento aos comportamentos reais no local de trabalho e proporcionando uma experiência comum de referência.

Pode ser aplicado em uma ampla variedade de tópicos

Alguns métodos de treinamento são melhores que outros para determinados tópicos ou tipos de alunos. Por exemplo, aprender sobre um novo software deve incluir treinamento prático.

Da mesma forma, as plataformas de treinamento digital nem sempre são eficazes para pessoas que não se sentem confortáveis ao usar novas tecnologias sem assistência.

O aprendizado experimental pode ser usado para ensinar um amplo espectro de habilidades e competências. Se você deseja instruir sobre gerenciamento de tempo a todos os funcionários ou abordar habilidades de liderança para estrelas em ascensão, ele produzirá resultados.

Participantes de todas as idades e níveis de experiência se beneficiam com esse tipo de treinamento. Os programas podem ser personalizados para sua organização e até para equipes específicas, de modo que incorporem a cultura e o idioma interno da empresa.

As técnicas, estratégias e atividades de ensino experimental

Cada organização é única em suas necessidades de treinamento, e, portanto, cada empresa, provavelmente, terá seu próprio modo de implementar estratégias de aprendizado experimental. No entanto, a seguir, estão algumas atividades e abordagens que você pode considerar ao personalizar suas próprias iniciativas.

Simulações

Essa técnica de treinamento experimental utiliza atividades eletrônicas, mecânicas ou baseadas em software para simular uma situação do mundo real ao qual um aluno deve reagir.

Como as simulações podem variar de acordo com qualquer número de parâmetros, o treinamento simulado oferece uma ótima maneira de educar a equipe, mesmo nos problemas hipotéticos mais remotos com os quais eles podem ter que lidar.

Estudos de caso

Esses são ótimos exemplos de ensino experimental baseados em instâncias da vida real. Ao expor os participantes ao que aconteceu no passado, usando estudos de caso ilustrativos, os instrutores podem fornecer informações valiosas sobre o comportamento apropriado necessário para lidar com situações semelhantes — e o impacto que isso pode ter.

Gamificação

Os jogos de aprendizado experimental são uma maneira popular de ajudar os funcionários a aprender fazendo. Eles podem ser organizados de maneira que indivíduos e grupos joguem uns com os outros, colaborando ou competindo, como no mundo real.

Esse processo pode ensinar lições valiosas sobre como lidar com situações de trabalho. Como parte dessa técnica de treinamento experimental, ferramentas de motivação (como pontos e distintivos de mérito) podem ser concedidas, tornando o jogo mais atraente para os alunos.

Micro aprendizado

O micro aprendizado é mais do que fatiar e dividir um módulo de 20 minutos em vários módulos de dois minutos. Um microlearning eficaz cria atividades ou avaliações que proporcionam uma experiência de aprendizado completa em apenas alguns minutos.

Ele fornece breves “explosões” de informações, idealmente no ponto de necessidade. Por exemplo: um emissor de cartão de crédito que oferece um incentivo diferente para os membros de suas recompensas a cada mês, provavelmente não oferece treinamento detalhado sobre esse tópico a cada semana.

Uma solução de microlearning que explique a recompensa do mês, acompanhado dos termos e condições especiais, e que também forneça um link para os detalhes da recompensa no banco de dados de suporte ao desempenho, seria ideal e autodirecionada. O uso de aplicativos como o WhatsApp e Intelichat podem potencializar a distribuição e compartilhamento desses conteúdos.

Por fim, ao decidir quais estratégias e atividades de ensino experimental você deve usar, é vital não perder o foco sobre o que é a ideia central do treinamento: aprender fazendo. Portanto, se suas necessidades específicas de treinamento não estiverem alinhadas a uma técnica específica, não tente forçá-la à sua estratégia de treinamento.

Agora que você já está preparado para adotar uma estratégia de ensino experimental, conheça a Intelichat e saiba como a plataforma pode ajudá-lo a colocar o seu projeto em prática!

 

Share This
×