Conhecimento

7 exemplos de empresas que usam o chatbot em seu dia a dia

7-exemplos-de-empresas-que-usam-o-chatbot-em-seu-dia-a-dia.jpeg
Escrito por Geraldo Guazzelli

As empresas que usam chatbot como solução de atendimento estão antenadas no que o mercado tem de mais inovador para oferecer. São organizações altamente focadas na qualidade do atendimento ao cliente que saíram na frente da concorrência ao mostrarem o poder dos robôs virtuais.

Nesse sentido, o motivo dos chatbots serem considerados forte tendência no mercado é que eles já provaram que conseguem promover resultados melhores para marcas de diversos setores do mercado.

Neste post vamos mostrar a você como sete importantes empresas que usam o chatbot têm se destacado ao aproveitarem os benefícios dessa poderosa ferramenta. Confira agora mesmo!

1. Uber

As principais novidades do Uber são lançadas nos Estados Unidos, uma vez que é uma empresa americana. Assim, o uso do chatbot figura entre as principais atualizações do aplicativo.

Agora você tem a opção de chamar um Uber por meio do Facebook Messenger, sem precisar entrar no aplicativo da empresa. Isso se tornou viável com a implantação de um chatbot que estabelece a comunicação entre o cliente e os motoristas mais próximos na principal rede social do mundo.

Na Uber, a adoção do robô virtual já é um enorme sucesso e o motivo é simples — a ideia é que os usuários façam uso do serviço em situações adversas como, chamar um motorista pelo computador quando não puder contar mais com a bateria do celular ou mesmo se estiver em conversas com outras pessoas.

Digamos que um amigo mande um endereço. Se quiser, o usuário clica nele para pedir uma corrida até o local.

2. Ebay

Um dos maiores sites de varejos do mundo, o eBay, também usou o Facebook Messenger para implantar o seu ShopBot, um assistente inteligente de compras pessoal.

Com a ajuda do robô virtual da empresa, o cliente é orientado a encontrar ou a decidir qual produto quer comprar. Assim, o serviço opera de maneira parecida com a barra de pesquisa do próprio eBay, porém oferece uma comunicação mais personalizada que aprimora a cada interação com o usuário, este é o diferencial.

Dessa forma, o cliente pode mandar imagens em vez de mensagens de texto para o ShopBot da eBay. Com isso, ele consegue rastrear de forma personalizada no intuito de ofertar opções de compra para a pessoa. Por outro lado, a ferramenta aprende também com as compras feitas e as usa como referência para futuras indicações de itens. Incrível!

3. Vivo

Este é um caso de empresas que usam chatbot de enorme relevância, já que melhorar o atendimento ao cliente é um dos grandes desafios das empresas de telecomunicações. Nesse sentido, o principal  objetivo do chatbot da Vivo no Facebook Messenger é explicitamente este.

Por meio do menu inicial do chat da Vivo o cliente terá acesso aos seguintes serviços:

  • informações sobre seu plano: débito automático, segunda via de conta e consumo do pacote da internet;
  • suporte técnico: Vivo sinal ou pré-atendimento;
  • falar com um atendente.

4. Casas Bahia

Uma grande vantagem é que os bots têm a capacidade de realizar vários atendimentos ao mesmo tempo. Por isso, eles são uma solução perfeita para atuar em datas concorridas no varejo, como o Natal.

Pensando nisso, no ano de 2017, a Casas Bahia adotou o “Bahianinho”, apelido dado ao seu bot. Com a ajuda dele, a ideia é permitir que o cliente selecione por categoria os produtos desejados, receba ofertas desses produtos e seja redirecionado para o site da loja.

Portanto, o benefício gerado pelo chatbot na ocasião, foi que mais de 77 mil usuários aproveitaram as novas funcionalidades, número cinco vezes maior do que o registrado no ano anterior e alavancou as vendas da marca.

5. Cacau Show

O bot que dá as informações sobre os produtos da Cacau Show, atende pelo apelido “Cá”, e sua missão é diferente dos exemplos citados anteriormente. Com base na geolocalização do cliente, “Cá” também mostra a loja mais próxima.

Foi dessa forma que a Cacau Show entendeu que os bots são capazes de solucionar rapidamente os questionamentos mais simples e liberam seus colaboradores da linha de frente para dar total atenção ao atendimento nas lojas.

6. Itaú

Assistente virtual Alaor — esse é o nome do primeiro bot que o banco Itaú implementou há pouco tempo. Ele faz o papel de um consultor financeiro para os clientes da instituição. Assim, por meio do Facebook Messenger, os clientes fazem uso da ferramenta para receber dicas de investimentos e economia.

Quando o usuário inicia uma sessão com o Alaor, recebe diversas dicas, por exemplo, a de como se programar financeiramente e economizar dinheiro para viajar. E o mais interessante de tudo isso é que o bot fundamenta as dicas de acordo com o histórico de movimentações financeiras do próprio cliente.

Dessa maneira, o banco tem a oportunidade de oferecer soluções personalizadas para cada situação. Assim, investe em ações específicas de autoatendimento e combina o uso do assistente virtual Alaor com o trabalho de uma equipe de colaboradores.

7. Sephora

Em parceria com um aplicativo de mensagens instantâneas bem popular nos Estados Unidos, o Kik, a rede de perfumes e maquiagem Sephora implementou seu chatbot, que faz uso da inteligência artificial e os clientes recebem um atendimento personalizado.

Então, a lógica do atendimento funciona com o usuário primeiro respondendo a um questionário online e a partir daí, o assistente virtual dá as primeiras sugestões de perfumes e cosméticos que atendem melhor a necessidade de cada um.

Com a solução, o consumidor ainda tem a facilidade de realizar a compra dos produtos da Sephora pelo próprio aplicativo sem precisar ir até uma loja física.

Ainda com o objetivo de facilitar a vida das pessoas e de aumentar suas vendas, o chatbot da marca também oferece aos clientes tutoriais sobre maquiagem. Assim, ela estreita o relacionamento e gera mais credibilidade e confiança.

Portanto, dar atenção à experiência do usuário deve ser uma das principais preocupações das marcas que querem alavancar seus resultados. Nesse sentido, muitas empresas que usam chatbots já entenderam que eles se tornaram grandes aliados.

Isso porque a solução funciona como um verdadeiro SAC, que agiliza e facilita o contato com o público ao sanar suas dúvidas e diminuir as reclamações.

Gostou do nosso conteúdo? Então deixe seu comentário no post!

Sobre o autor

Geraldo Guazzelli

Deixar comentário.

Share This